Image Image Image Image Image
Scroll to Top

To Top

Benchmark
Benchmark

Identifique concorrentes.

Saiba quem fala o quê. Ouça o que o consumidor responde.
O Benchmark é uma análise da presença das marcas de um segmento em redes sociais, fundamental para se identificar oportunidades e traçar objetivos.
Com uso da ferramenta FrogCRM e detalhada análise da presença de seus concorrentes em mídias digitais e redes sociais, traçamos um cenário da atuação de cada uma e da reação dos consumidores.



Nosso objetivo é identificar e detalhar os seguintes pontos:

Presença digital dos seus concorrentes;
Tamanho dessas empresas dentro da rede comparado ao tamanho no mercado;
Quem é o público na web e qual a ligação desse público com a marca e/ou produto;
Que visão o público tem de cada uma das marcas ou produtos analisados;
Quais os caminhos comuns dos projetos dessas empresas e quais fogem desse modelo;
A análise de casos que surgiram no mercado e os resultados que eles obtiveram;

Nosso objetivo é identificar e detalhar os seguintes pontos:

Identificar melhores (e piores práticas);
Traçar parâmetros para mensuração de resultados;
Identificar nichos muito concorridos e lacunas de mercado;
Identificar discursos e abordagens de comunicação.

BNDES
Comprafacil.com
Dr. Veit
Ediouro
Greenday
Grupo Águia
Ibeu
Loreal
Melhoramentos
Mind Lab Brasil
Mobil
NSG Capital
Pierre Fabre
Praia Ipanema
Red Hot
St Gallen
Planejamento Estratégico
Planejamento Estratégico
Defina o que você quer,
como saber se deu certo, o que fazer para conseguir e como medir tudo.





Um Planejamento Estratégico em redes sociais é um exercício que interpreta as necessidades da empresa e as traduz em indicadores mensuráveis e claros que a mídia digital pode gerar. A Criatividade, a Inovação e a Tecnologia entram como formas eficazes e eficientes de provocarmos os indicadores de sucesso que, por consequência, refletirão o objetivo desejado pelo cliente.

Acreditamos intensamente em inovação, ousadia, criatividade e, claro, no poder do boca-a-boca. Somos apaixonados por uma boa ideia, por uma campanha bem-sucedida, por gerar buzz para nossos clientes. Mas acreditamos que tudo isso não é fim, é meio. E meio para atingir uma coisa só: o objetivo do cliente.Ter uma fanpage no Facebook não é objetivo, a menos que você seja o próprio Facebook. Objetivo é o efeito que essa fanpage vai provocar no cliente. Fazê-lo preferir a marca? Engajar-se? Fornecer informações? Comprar mais? Recomendar a um amigo? Isso são objetivos.

Planejar para objetivos é isso, seguir um roteiro simples que parte de um proble a para as ações que vão efetivamente resolvê-lo. Prêmios ou o tapinha nas costas dos colegas é mera consequência.

Parece óbvio, e deveria ser, mas sabemos que nem sempre é assim.

Seguimos um roteiro muito simples, em 6 passos:

1. Qual o problema do cliente? Sua necessidade?
2. Que indicadores mostrarão que o problema foi solucionado ou a necessidade atendida?
3. Que ações provocariam mudanças nesses indicadores?
4. Quem são as pessoas que realizariam essas ações?
5. Que soluções criativas levariam essas pessoas a fazer essas ações?
6. Como medir para saber se deu certo e, com isso, voltarmos ao item 1?

Revisão do Roteiro dos 6 Passos;
Visão trimestral/ semestral/ anual de ações, campanhas e frentes de gestão
Planejamento de presença e ações nas 4 camadas de Comunicação:
• Mídia própria (site, fanpage, blog oficial)
• Mídia paga (mídia em redes sociais, blogs, redes de busca, etc.)
• Mídia ganha (conteúdo gerado por usuário, advogados e embaixadores de marca)
• Mídia compartilhada (boca a boca, referências, compartilhamentos sociais)
Indicadores de resultados (KPIs) e como mensurá-los

Snapshot
Snapshot
Conheça o consumidor.
Entenda seus desejos. Perceba o que ele vê. Entregue o que ele quer.
O Snapshot é um retrato do comportamento de públicos em redes sociais digitais e da atuação das marcas de um segmento neste ambiente. A ideia? Fornecer subsídios para planejamentos consistentes, embasados, direcionados e eficientes.
Nossa metodologia premiada tira proveito da poderosa ferramenta FrogCRM e varre a internet em busca de conteúdos que serão cruzados com bases de dados diversas – pesquisas, dados demográficos, sondagens, estudos – em busca de insights sobre o ecossistema digital de públicos específicos.



Seguindo metodologias desenvolvidas pela Frog, analisamos os seguintes atributos:

Perfil dos consumidores (arquétipos)
Seus hábitos de uso das redes sociais
Seus hábitos de consumo e padrões de comportamento
Termos e sentimentos associados às marcas do segmento
Temas relevantes – estrutura das conversações

Onde meu público está
Sobre o que ele fala e como ele fala
Com o que ele se envolve e como engajá-los
O que e quem o motiva e influencia
O que ele pensa e espera de empresas como a minha
O que os atinge positivamente e negativamente
Visão clara de como seu público enxerga o seu negócio
Entendimento de como se relacionar com seu público
Planejamento e atuação mais objetivos e assertivos
Você sabe onde e como investir nas redes sociais
Definição de metas e métricas de resultado
Foco no que realmente importa
Insights para o planejamento estratégico e criativo (discursos, temas, lacunas de mercado)
Social Playbook
Social Playbook
Defina as regras,
faça os movimentos certos e ganhe o jogo da presença em redes sociais.
O SocialPlaybook é o projeto editorial de uma marca em redes sociais. É o documento que norteia toda a atuação, garantindo uniformidade, coerência e busca dos resultados planejados para a marca.

O tweet de uma marca é muito mais do que os 140 caracteres que aparecem na tela. O post no Facebook vai além do texto e da foto publicada. A presença de uma marca em redes sociais precisa ser coerente e refletir a voz e os interesses da marca, e não o jeito de falar, preferências e agenda do analista ou gestor de comunidade por trás da produção do conteúdo.

O SocialPlaybook visa solucionar vários desafios das marcas nas redes sociais. O primordial é essa padronização, garantindo que o discurso seja uniforme e consistente quem quer que seja a pessoa (ou as pessoas) que cuidam dos perfis.

Mais que isso, o Playbook define papéis para cada canal, linguagem, parâmetros, política de gestão de crises e toda sorte de premissas técnicas que devem estar claramente documentadas.




O Playbook é construído a partir do planejamento estratégico para a marca e contém:

Qual a voz da marca
Como ela fala
Qual o volume e a periodicidade das atualizações
Qual a política para conteúdo gerado por usuários
Qual a política para relacionamento e diálogos
Qual o plano de gestão de crises
Qual a postura comercial
Quais os KPIs estratégicos e como o conteúdo contribui
Exemplos: o que pode e o que não pode
Perfis de referência

Garanta que o tom e a voz nas redes seja a de sua marca, não do analista;
Atue no dia-a-dia de forma consistente com os objetivos de negócio;
Defina uma política de Governança de Redes Sociais e atribua de papéis;
Antecipe situações e reduza o risco de crises;
Agilize os processos de treinamento e capacitação de novos profissionais envolvidos.